19 de março de 2009

Porcos na sala: Pode um cristão ser possuído?

16 comentários

Queridos leitores,
O que temos visto e vivido, atualmente, é um grande descaso com a Palavra de Deus. Esse fato não ocorre somente hoje, mas desde os tempos mais remotos podemos observar essas circunstâncias. Em II Reis 22, Hilquias achou o Livro da Lei (a Bíblia daquele período) perdido dentro da Casa do Senhor; certa vez Martinho Lútero encontra a Bíblia Sagrada toda empoeirada e rejeitada numa biblioteca. Em toda a história da humanidade, o homem preferiu dar ouvidos à falsos mestres e espiritos enganadores ao invés de olhar para Ele - o Verbo.

Gostaria de abordar um tema que tem deixado muitos cristãos confusos: PODE UM CRISTÃO SER POSSUÍDO POR DEMÔNIOS ?
Primeiramente gostaria de expor alguns trechos do livro Porcos na Sala, escrito por Frank e Ida Mae Hammond, Editora Bom Pastor.

Diz assim o autor do livro, que nada tem haver com o evangelho de Cristo:
"Parece muito irracional, mas alguns cristãos não estão dispostos a ficar livres dos demônios que neles habitam. Alguns ficam envergonhados em admitir a sua própria necessidade de libertação. O embaraço nunca deveria ter suas raízes no fato de que a gente esteja habitada por demônios, mas na falta de reação pronta contra eles. Outros têm-se conformado com certos demônios por tanto tempo que não desejam mudar."
"É importante que entendamos que os espíritos demoníacos não têm o direito legítimo de ficar no cristão. Eles transgridem, mas, quando tomamos a iniciativa e os mandamos embora, eles devem sair."
"Será que todos necessitam de libertação? Pessoalmente, não estou a par de que haja alguma exceção. Enquanto temos andado na ignorância e nas trevas, o inimigo tem contaminado cada um de nós. Devemos aprender como tirá-lo e como continuarmos livres dele."

O QUE DIZ A BÍBLIA SAGRADA? PODE UM CRISTÃO SER POSSUÍDO?
1) o crente é santuário do Espírito Santo. “Acaso não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo que está em vós, o qual tendes da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por preço. Agora, pois, glorificai a Deus no vosso corpo.” (1 Co 6:19, 20.)
O Espírito Santo não é um visitante esporádico na vida do crente. É morador definitivo, e não se ausenta de sua morada. Paulo garante que não há possibilidade de convivência entre Cristo (Rm 8:9) e o maligno (Ef 2:2.) “Que harmonia entre Cristo e o maligno?” (2 Co 6:15.)

2) o Espírito Santo é zeloso pelo seu santuário. “Ou supondes que em vão afirma a Escritura: É com ciúme que por nós anseia o Espírito, que ele fez habitar em nós?” (Tg 4:5.). O Espírito Santo é a pessoa da trindade santa para a qual Jesus mais reivindicou o nosso cuidado na análise de fatos ou no evitar de palavras precipitadas. “Por isso vos declaro: Todo pecado e blasfêmia serão perdoados aos homens; mas a blasfêmia contra o Espírito Santo não será perdoada. Se alguém proferir alguma palavra contra o Filho do homem, ser-lhe-á isso perdoado; mas se alguém falar contra o Espírito Santo, não lhe será isso perdoado, nem neste mundo nem no porvir.” (Mt 12:31, 32.)
Atribuir as obras de Jesus ao poder de Belzebu, o maioral dos demônios, já era pecado e blasfêmia contra o Espírito Santo, que estava sobre Jesus (Lc 4:18, 19), pois o Espírito Santo não pode ser veículo usado por Satanás. Diante de tal santidade e zelo será possível admitirmos que o Espírito Santo permitiria a entrada de força maligna em seu santuário? Louvado seja o seu nome porque ele não permite.

3) o crente é propriedade de Deus. É maravilhosa a declaração, de Paulo em Efésios 1:13, 14: “Em quem também vós, depois que ouvistes a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação, tendo nele também crido, fostes selados com o Santo Espírito da promessa; o qual é o penhor da nossa herança até ao resgate da sua propriedade, em louvor da sua glória.” No verso 14, os crentes são chamados de “propriedade de Deus”. O sublime de tudo isto é que o Espírito Santo é o “penhor” da nossa ressurreição futura, ou seja, a garantia de que não estamos órfãos (Jo 14:18) e de que seremos transformados na ressurreição (1 Co 15:52.). A presença do Espírito Santo em nós é a garantia de que somos propriedade de Deus. “Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz.” (1 Pe 2:9.)
A propriedade é exclusiva. Essa “propriedade” não será loteada e vendida ao diabo.

4) Jesus é o valente que tomou posse da propriedade. “Quando o valente, bem armado, guarda a sua própria casa, ficam em segurança todos os seus bens. Sobrevindo, porém, um mais valente do que ele vence-o, tira-lhe a armadura em que confiava e lhe divide os despojos. (Lc 11:21, 22.)”. O Senhor Jesus veio ao mundo “para destruir as obras do diabo.” (1 Jo 3:8.) Jesus me fascinou pela sua valentia e coragem diante da cruz. Essa valentia é a mesma no que diz respeito a guardar os seus filhos das investidas do diabo na tentativa de possuí-los. Jesus é o Senhor absoluto de sua casa (1 Pe 2:5) e de seu tabernáculo (2 Co 5:1), que são os nossos corpos.

Fiquemos com o Verbo da Vida!

Bibliografia: Pr. Paulo Romeiro, Evangélicos em Crise; Frank e Ida Mae Hammond, Porcos na Sala

Comments

16 comments to "Porcos na sala: Pode um cristão ser possuído?"

théomendonça disse...
20 março, 2009 22:45

Querido irmão Pr.Elder.
Parabéns pelo blog, muito bom e com assuntos muito atuais e importantes.

Quanto a esse artigo tenho algumas considerações a fazer.

1- Os cristãos podem estar ou ficar possuídos?
Não. Não acredito, isso vai contra a palavra como vc explicou muito bem.

2- Todos os que estão em nossas igrejas são realmente cristãos?
Não. Não acredito. Portanto creio que os cristãos nominais podem sim serem possuídos.

Então, reformulo a pergunta:

Os cristãos podem ficar possuídos?
Sim, os nominais podem. E muitos deles estão. Pois não tiveram uma experiência de conversão, de novo nascimento e não teem o Espirito Santo, não são templos do Espirito Santo.

Certa ocasião estava em uma conferencia sobre libertação em São Paulo e um "pastor" ficou possuído. 7 demônios. O que diz sobre isso?
Ele era um cristão?
Não
Mas não era um pastor?
Sim, mas não nasceu de novo.

Pode um "cristão ficar endemoniado"?

Pode, se for um nominal.
Quantos cristãos católicos ficaram endemoniados em sua igreja quando visitaram?
Não são eles cristãos?

Abraços
Deus continue abençoando sua vida e ministério

angelomaciel disse...
21 março, 2009 20:49

Gloria a Deus pelas revelações dos mistérios através da mensagem postada e pelo comentário do irmão Antero Mendonça. Parabéns Jesus!!!! Que Deus os continue abençoando cada dia mais. Um abraço. Ângelo Maciel.

LAERTE PINTO DE BRITO disse...
30 março, 2009 23:36

jesus disse para nicodemos quem nao nascer da agua e do Espirito nao pode entrar no reino de Deus [joao 3:5] o que ocorre que muintos cristaos nominais nao esperimentam o milagre do novo nascimento,sao comvencido no entendimento natural sem a atuaçao do Espirito santo da verdade,a razao porque acontece de pessoas dentro de uma igreja ter posseçao demoniaca a verdade e que nunca foram liberta do imperio das trevas[col.1:13] Deus continue abençoando sua vida e familia e ministerio continue firme um forte abraço EM CRISTO,POR CRISTO E PARA CRISTO

Anônimo disse...
31 março, 2009 13:20

como vemos, a interpretaçao de texto é muito importante né? realmente um cristao nao pode ficar possuído,ser cristao é ser-mos imitadores de Cristo, para isso entao; nascidos em Cristo,e sendo assim...aceitando p minha vida oq vem de Cristo, a trindade.como um...o Espito Santo porém habitando em mim...e sendo assim...graças a Deus o inimigo nao tem acesso...O lamentavel é q...o joio é um cristao???acredito q nao pq se ele fosse imitador de Cristo ele nao seria o joio nao é? entao poderia o joio q a biblia diz q esta lá juntnho com o trigo,ser possuído por espiritos malignos???
amei ler este blog, achei muito legal pq no fim td mundo ta dizendo a mesma coisa... rsrsrsrsrr

*oki* disse...
26 março, 2010 20:44

Não li esse livro, mas li as críticas e comentários e questiono, não está tb na Bíblia que temos em nós os frutos do espírito e da carne? E mais, quando um cristão passa realmente a pertencer a Cristo? Acredito que a conversão acontece da mesma forma como um depressivo chega a um terapeuta, primeiro reconhece que não está bem e precisa de ajuda, após inicia um tratamento. Nós quando aceitamos a Jesus reconhecemos que há uma grande verdade que precisa ser nossa vida, inicia-se, então, todo um processo de transformação, dentro dele alguns demônios vão sendo combatidos, como uma guerra, os frutos da carne e os frutos do espírito vão tentando enfraquecer uns aos outros. Por isso, creio eu, esse processo consiste sim, em tirar alguns demônios, e não quer dizer que só porque a pessoa tem alguma manifestação demoníaca, ela ainda não tem a Cristo e é apenas uma crente nominal, essa pessoa pode simplesmente, estar passando por um processo de transformação, mas a decisão mais importante para o seu tratamento já foi tomada, ou seja, ela reconheceu sua dependência em Cristo Jesus. Uma das frases mais inteligentes que existem é que Deus nos criou humanos e, por isso, reconhece a nossa condição humana, Deus pode fazer milagres num toque, mas nós precisamos de mais de um simples toque para processá-los. Ou seja, viver plenamente no Espírito Santo não deixa de ser uma questão que envolva tempo e experiências.

Max W. Ourique disse...
20 setembro, 2013 01:21

Ainda estou lendo o livro.

Realmente os autores nos levam a pensar que todo mundo tem demônio, pois são tantas as circunstâncias que é impossível um ser humano por mais cristão que seja não ter um demo.

Mas creio que, como foi mencionado aqui em comentário, que trata-se de como entendemos o exposto no livro. Pois depende de como vemos um demônio.

Creio que cada um tem uma idéia ligeiramente diferente do que é um demônio e nisto reside as divergências.

Creio que precisamos nos debruçar melhor sobre este assunto a fim de, e com a ajuda de Deus, compreender completamente.

Max W. Ourique disse...
20 setembro, 2013 02:13

Bah irmão... O primeiro capítulo do livro já resolve a questão.

O autor levanta a mesma questão usada aqui como crítica e pondera sobre os aspectos específicos em que o tema do livro é pautado.

Examinem tudo com atenção!

Anônimo disse...
29 novembro, 2013 17:17

A Paz do Senhor a todos!
Queridos irmão, quero sugerir dois Livros que acabei de ler e que mudou a minha maneira de viver e de ver o mundo espiritual.
"O poder secreto da Oração e do Jejum - Mahesh Chavda."
"Quebrando Correntes - Neil T. Anderson."

Acredito que muitas das duvidas e criticas que foram expostas nesses comentários, serão de maiores compreensão.
O autor Neil T. Anderson, destaca que á muitas fortalezas demoníacas em CRENTES, ele relata muitos casos que tratou de pessoas POSSESSAS por demônios, digo CRENTES praticantes que vão a Igreja regulamente. Ele menciona que essas fortalezas são formadas por CRENTES que dão lugar ao diabo através do pecado e que não encontram liberdade em Cristo porque não se libertam de seus "vícios pecaminosos". São CRENTES que vivem no "pecado-confissão-pecado-confissão", o livro de Salomão declará: "...o que confessa e deixa, alcança misericórdia." Provérbios 28:13b.
Queridos irmãos a Bíblia também declara que "a nossa guerra não é contra a carne e o sangue, más contra os principados e potestades" (Efésios 6:12), tudo esta na nossa mente, primeiro o pecado vem através dos nossos pensamentos, depois de pensado e maquinado, ele vem a tona e é gerado através da nossa carne, sito alguns exemplos: (fala o que não deve, ouve o que não deve e age de forma impensada - linguá/musica/murmuração/contenda/pornografia/prostituição etc.) por tanto, se a nossa mente não maquina o mal, ou se não damos lugar aos pensamentos pecaminosos, nossa carne não há de pecar.. pensem um pouco, todas as nossas ações físicas, são movidas APÓS nossas reações psíquicas, ou seja, primeiro pensamos e depois agimos.
Sugiro que todos os irmãos que tem duvida sobre a ação do Diabo na vida de Crentes, leiam esses dois livros e comecem a por em pratica as orações e jejuns que neles estão descritas, vocês verão a LIBERDADE DE CRISTO em suas vidas de forma extraordinária, assim como esta sendo na minha vida.
- Leiam esses livros, tem muitos versículos bíblicos esclarecedores. O Apostolo Paulo fala muito sobre essas fortalezas e guerras espirituais, inclusive vividas por ele, leia os versículos abaixo:
"Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero esse faço." Romanos 7:19

"Porque o que faço não o aprovo; pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço." Romanos 7:15

"Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim." Romanos 7:20

"E, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa." Romanos 7:16

Muitos criticam e padecem por não conhecer as escrituras, "Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará." João 8:32

Deus abençoe a todos em nome de Cristo Jesus, Amém!

Fábio Roberto Dallapicola.

Unknown disse...
17 outubro, 2015 06:44

É isso o que acontece realmente, pessoas não nasceram de novo, (pois grande parte da igreja de hoje não prega o evangelho, pratica o proselitismo) as pessoas ficam endemonhiadas porque não são nascidas de novo e foi assim que surgiu esse ensino demoníaco que tem mais ou menos 40 anos.

Lilian Peixoto disse...
17 outubro, 2015 07:38

É isso o que acontece realmente, pessoas não nasceram de novo, (pois grande parte da igreja de hoje não prega o evangelho, pratica o proselitismo) as pessoas ficam endemonhiadas porque não são nascidas de novo e foi assim que surgiu esse ensino demoníaco que tem mais ou menos 40 anos.

delmadeDelma.com disse...
26 agosto, 2016 23:33

muitos estão na igreja, diz eu aceito a jesus mais não deixa de praticar o pecado.bebe escondido,vive na pratica da prostituição,não libera o perdão,não busca ser uma nova criatura em Deus.essas pessoas não permite o trabalhar de Deus em suas vidas,vive uma vida enganosa. o Espirito Santo não pratica o pecado,dêmonios sim.

delmadeDelma.com disse...
26 agosto, 2016 23:35

ótimo comecei a ler e ja estou gostando do aprendizado,parabéns.

Unknown disse...
22 janeiro, 2017 03:03

Concordo sem tirar e nem por com vc Theo Mendonça!!!!

Alessandra Stiebler disse...
28 janeiro, 2017 00:21

Vou começar a ler o livro. Antes vou orar pedindo sabedoria e discernimento.

Gostei de ler a interpretação de cada um. Que na verdade é a mesma.

Somos cristãos mas somos pecadores e muitas vezes permitimos o agir do inimigo em nossas vidas.

Paula Meliane disse...
28 fevereiro, 2017 19:04

Estou lendo o livro "porcos na sala", acho a leitura bem interessante e acredito que tem preciosas informações em todo o seu conteúdo, porém vale ressaltar que tudo varia de acordo com as interpretações.

Paz seja convosco.

Ilma Gadioli disse...
28 abril, 2017 08:09

Fantástica sua resposta pastor. .sem comentários.
Conversão e mudança de mente é algo a ser ainda muito discutido. .Paulo Júnior que o diga

On Line

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo
 

Copyright 2008 All Rights Reserved Revolution Two Church theme by Brian Gardner Converted into Blogger Template by Bloganol dot com

^